Os Quatro Elementos na Umbanda - Pesquisado por Ednay Melo

Os quatro elementos na Umbanda

Os Quatro Elementos são: Água, Terra, Fogo e Ar. A teoria dos quatro elementos originou-se na China e depois na Grécia entre os filósofos pré-socráticos, onde a origem da matéria era atribuída ora ao fogo, ora a  água.  Estes são, na verdade, elementos sutis, ou melhor, estados de mutação da matéria-energia. Esta forma de ver os elementos justifica a ligação entre astrologia e alquimia, que ocorria naquela época.

Os elementos da natureza podem ser associados aos Estados físicos da matéria:
Terra → Sólido
Água → Líquido
Ar → Gasoso
Já o fogo poderia ser associado ao lula Plasma, entretanto ele não é matéria, é energia, portanto, fica fora dessa classificação.

Os 4 elementos é a expressão utilizada para referir-se aos elementos naturais: água, terra, fogo e ar. Essa expressão refere-se ao que seria essencial à vida humana no planeta. Se considerarmos como tipos de matéria que formam a natureza, a expressão está errada pois fogo não pode ser considerado uma matéria natural, pois trata-se do resultado de uma reação química.Também o conceito de elemento foi mudado pela Química e Física modernas. Considera-se como elemento os diferentes tipos de átomos que formam moléculas, tanto naturais como artificiais (reações induzidas pelo Homem). A água, por exemplo, se constitui na verdade em uma molécula resultante da ligação natural de dois elementos químicos: o oxigênio e o hidrogênio.

A idéia dos 4 elementos clássicos provém dos primordios da Filosofia. No Ocidente, foi ensinada no período pré-socrático, perdurou naIdade Média e chegou até o Renascimento. Mas o conceito é antigo no Oriente, tendo sido disseminado na Índia e na China, onde encontra-se na base do Budismo e Hinduísmo, principalmente no contexto esotérico. Hoje em dia há quem corresponda os 4 elementos clássicos com os 4 estados da matéria: sólido, líquido, gasoso e plasma.

Em Astrologia, cada elemento influencia um grupo de três signos astrológicos. O ar, por exemplo, influencia os signos Aquário,Gêmeos e Libra.

O ar é essencial a vida e está em toda a parte, nos buracos do queijo, dentro do seu armário, etc. O ar foi presenciado por Priestley no século XVIII.
A água ocupa 70% da superfície da Terra e é essencial para a vida também. Sem água não há vida.
A terra somos nós, seres terrestres, as pessoas, os animais, as plantas, sem nós a terra seria vazia e sem sentido.
O fogo somos nós, visto que é uma mistura de substâncias, o fogo é conhecido por sua energia, nós somos compostos de energia. O fogo também pode ser visto como o Sol, que nos aquece e sem sol não há vida. 


ELEMENTO ÁGUA:

A água é considerada um símbolo sagrado na maioria das religiões, incluindo o hinduísmo, cristianismo, judaísmo, islamismo,xintoísmo, xamanismo e Wicca. É simbolizado na alquimia pelo triângulo com a ponta voltada para baixo. 

Quase todos os rituais religiosos são realizados na presença deste elemento, geralmente utilizando-se receptáculos como taças, ou simplesmente representados por um rio, lago ou mar, quando as cerimônias são realizadas em campo aberto, ou seja, na natureza. 

A água possui um misticismo que envolve quase todas as crenças. Segundo outras crenças, acredita-se que a água tenha alguns poderes especiais, sendo um do tattwas, os cinco elementos básicos da natureza. Na religião wicca, a água é tida como um dos símbolos da Grande Deusa, assim como o cálice e o caldeirão. Nas antigas tradições chinesas, a água é um dos cinco elementos, em conjunto com a terra, o fogo, a madeira e o metal. Nas religiões neopagãs, como é o caso do druidismo, da Wicca e da Asatrú, também existe a crença na existência de cinco elementos constituintes do Universo, sendo eles o Fogo, a Água, o Ar, a Terra e Akasha, sendo este último a manifestação da energia divina.

Água, na astrologia, é um dos quatro elementos que regem o planeta Terra (Fogo, Ar, e Terra) e os signos de Peixes, Escorpião e Câncer no signo do zodíaco oriental, a água tem a cor preta, o animal é o tigre branco, tem norte como a direção, rege os 3 signos: Cão (zodíaco), Porco (zodíaco) e Rato (zodíaco) e se associa ao planeta da água e mensagem, O Mercúrio. Mercúrio rege só 2 signos do zodíaco ocidental: Gêmeos e Virgem.

No paganismo, a água corresponde ao tattwa Apas, e é simbolizado pela lua crescente prateada.
Possui características opostas às do fogo, como o frio e a retração. Segundo a crença pagã, o fogo e água são os elementos básicos com os quais tudo foi criado. Creem, também, na existência de dois pólos deste elemento:
Pólo positivo (+): construtivo, doador de vida, nutriente e preservador;
Pólo negativo (-): desagregador, fermentador, decompositor e dissipador.

As religiões atribuem o bem ao lado ativo e o mal ao lado passivo; mas no paganismo, o qual se apresenta sem o maniqueísmo, o bem e o mal não existem, sendo apenas conceitos da condição humana.

Elemental é o nome esotérico dado aos espíritos existentes na natureza, também conhecidos como seres mitológicos. Dentre os elementais da água que, segundo a crença pagã, seriam capazes de controlar o elemento água e o representar, estão as ondinas, as sereias, a hidra e o hipocampo.

ELEMENTO TERRA:

Definição Esotérica:

Terra é um dos quatro elementos que rege (Água, Fogo, e Ar). É o elemento dos 3 signos de Touro, Virgem e Capricórnio, sendo simbolizado, na alquimia, pelo triângulo com a ponta voltada para baixo, cortado por um traço na horizontal. o planeta terra também rege o Signo de Touro.

A terra tem a cor amarela, o animal é um dragão amarelo, rege Todos os signos do zodíaco oriental e se associa ao planeta do tempo, o Saturno. A Terra, como Água e Madeira Tem Pólo (-).

É considerada um símbolo sagrado na maioria das religiões, incluindo o Hinduísmo, e religiões pagãs e neopagãs.

Segundo algumas crenças, acredita-se que a terra tenha alguns poderes especiais. A terra é um dos tatwas (5 elementos básicos da natureza). Na religião Wicca, a terra é tida como um dos símbolos da Grande Deusa, assim como o pentagrama e o sal.

Nas religiões neopagãs, como é o caso do Druidismo, da Wicca e da Asatrú, também existe a crença na existência de cinco elementos constituintes do Universo, sendo eles o Fogo, a Água, o Ar, a Terra e Akasha, este último sendo a manifestação da energia divina.

A terra corresponde ao tattwa Prithivi, e é simbolizada pelo quadrado amarelo. Segundo a mitologia pagã, o elemento terra foi o último dos elementos a se formar, pois pela sua principal característica, a solidificação, ela integra em si o fogo, a água e o ar. Foi essa característica, segundo a crença pagã, que conferiu uma forma concreta aos outros três elementos.

Assim, ao ser criado, criou-se também o limite (entenda-se as leis) do espaço, das dimensões, do peso, e do tempo.

Elemental é o nome esotérico dado aos espíritos existente na natureza, também conhecidos como seres mitológicos. Dentre os elementais da terra que, segundo a crença pagã seriam capazes de controlar o elemento terra e o representar, estão o golem, os gnomos, os duendes, as ninfas, as dríades, os anões mitológicos, os sacis, os faunos, o curupira e todos os seres ligados à terra e à vegetação.

ELEMENTO FOGO:

Definição Esotérica:

O fogo é um dos quatro elementos que regem o planeta (Fogo, Água, Ar, e Terra). É o elemento dos signos Áries, Leão e Sagitário. Áries é um signo forte, decidido, impulsivo. Leão é egocentrico, egoísta, amigo, tranquilo. Sagitário é aventureiro, corajoso, preocupado,rancoroso. Fogo Rege Marte,O Planeta da Guerra. Marte rege só um signo do zodíaco ocidental: Áries.

O fogo tem a cor vermelha, o animal é um pássaro de fogo, chamado fênix, rege os 3 signos do zodíaco oriental,como a Serpente (zodíaco), o Cavalo (zodíaco) e a Cabra (zodíaco) e se associa ao planeta da Guerra e das Batalhas, Marte. O Fogo,como Metal Tem Pólo (+).

O fogo é considerado um símbolo sagrado na maioría das religiões, incluindo o Hinduísmo, Cristianismo, Judaísmo, Islamismo,Xintoísmo e Wicca.

Quase todos os rituais religiosos são realizados na presença deste elemento, seja em forma de fogueiras, ou mesmo simplesmente representado por uma vela, possuindo um misticismo que envolve quase todas as crenças.

Segundo outras crenças, acredita-se que o fogo tenha alguns poderes especiais. O fogo é um dos tatwas (5 elementos básicos da natureza hindu). Na religião Wicca, o fogo é tido como um dos símbolos do Grande Deus-Pai, assim como o athame e o bastão.

Nas antigas tradições chinesas, o fogo é um dos cinco elementos, em conjunto com a terra, a água, a madeira e o metal.

Nas religiões neopagãs, como é o caso do Druidismo, da Wicca e da Asatrú, também existe a crença na existência de cinco elementos constituintes do Universo, sendo eles o Fogo, a Água, o Ar, a Terra e Akasha, sendo este último a manifestação da energia divina.

O fogo corresponde ao tattwa Tejas, e é simbolizado pelo triângulo vermelho.

Possui características opostas às da água, como o calor e a expansão. Segundo a crença pagã, o fogo e água são os elementos básicos com os quais tudo foi criado. Creem, também, na existência de dois pólos deste elemento:
Pólo (+): construtivo, doador de vida, nutriente e preservador.
Minus (-): desagregador, fermentador, decompositor e dissipador.

As religiões atribuem o bem ao lado ativo e o mal ao lado passivo; mas no paganismo, o qual não tem a presença de maniqueísmo, o bem e o mal não existem, sendo apenas conceitos da condição humana.

Como a luz provém do fogo, crê-se que o fogo foi o primeiro dos elementos originados do Akasha.

Elemental é o nome esotérico dado aos espíritos existentes na natureza, também conhecidos como seres mitológicos. Dentre os elementais do fogo que, segundo a crença pagã, seriam capazes de controlar o elemento fogo e o representar, estão a, fênix, o dragão e a quimera.


ELEMENTO AR:

Segundo o esoterismo, o ar é um dos quatro elementos que compõem o planeta Terra: (Água, Terra, Fogo e Ar). O espírito da natureza do Ar é o silfo. No Zodíaco seus signos astrológicos são Libra, Aquário e Gêmeos. É simbolizado na alquimia pelo triângulo com a ponta voltada para cima, cortado por um traço na horizontal. 

O ar é considerado um símbolo sagrado na maioria das religiões, incluindo o Hinduísmo, Cristianismo e Wicca. Muitos rituais religiosos são realizados na presença de um símbolo deste elemento. Seja em forma de incenso, ou mesmo simplesmente representado por uma pena. Segundo outras crenças, acredita-se que o ar tenha alguns poderes especiais. O ar é um dos "tatwas" (cinco elementos básicos da natureza). Na religião Wicca o ar é tido como um dos símbolos do Grande Deus, assim como o incenso e as penas.Nas religiões neopagãs, como é o caso do Druidismo, da Wicca e da Asatrú também existe a crença na existência de cinco elementos constituintes do Universo, sendo eles: o Fogo, a Água, o Ar, a Terra e Akasha (a manifestação da energia divina). O ar corresponde ao tattwa Waju, e é simbolizado pelo círculo azul. Embora, segundo a crença pagã , o princípio do ar tenha sido o terceiro elemento a se formar do Akasha, este é um elemento intermediário entre o princípio do fogo e o da água.

Responsável pelo equilíbrio (neutralização) entre os efeitos passivo e ativo do fogo e da água. Como um intermediário, o princípio do ar herda do fogo o calor, e da água a umidade. Essas características conferem ao princípio aéreo, também, duas polaridades: a positiva (de doação da vida) e a negativa (exterminadora).

Sendo o elemento mais ligado ao espiritual, normalmente seus nativos são equilibrados, e possuem grande inteligência. Os nativos do Ar valorizam a harmonia, justiça e a beleza. Embora Libra, Aquário e Gêmeos não possuam muitos traços em comum, eles preferem sonhar com um mundo ideal do que buscar a realidade. As pessoas nascidas sob esses signos são espertas e pensam rápido, lidando com o abstrato e o incerto muito bem. Se você estiver com alguma dúvida ou dilema, são eles quem você deve procurar, já que adoram analisar, ponderar e chegar a resultados. São ótimos amigos e sabem se colocar no lugar dos outros, tendo, assim, uma perspectiva e uma visão de mundo adaptáveis e misericordiosas. Signos do Ar são muito comunicativos, idealistas e curiosos, apreciam a companhia das pessoas e o conhecimento e informações que elas trazem. O mundo, para esses signos, é um lugar maravilhoso e cheio de coisas novas a serem descobertas. Mas não se iluda com a aparente calma destas pessoas. Eles podem ser leves como uma brisa ou violentos e intempestivos como um tornado, depende de como você lida com eles. Eles podem ser muito tranqüilos, mas uma vez ofendidos ou contrariados, seu equilíbrio se quebra e eles partem para o ataque.

Elemental é o nome esotérico dado aos espíritos existentes na natureza, também conhecidos como seres mitológicos. Dentre os elementais do ar que, segundo a crença pagã, seriam capazes de controlar o Ar e o representar, estão os silfos, as sílfides, as fadas, os elfos, a harpia e a serpente do mar. Em algumas crenças, os anjos também são considerados seres do Ar.


OS QUATRO ELEMENTOS NA UMBANDA:

Todo procedimento de magia encontrado na Umbanda tem por base a utilização de um ou mais dos quatro elementos da natureza. Isso se justifica porque os Orixás são representações dinâmicas da natureza e são a  referência para todo trabalho desenvolvido, tanto a nível de entidades que militam a Umbanda, quanto a nível mágico litúrgico. Os quatro elementos formam a natureza e a Umbanda interage com ela em constantes vibrações energéticas emanadas por estes elementos, eis o fundamento da magia de Umbanda, o fundamento da própria vida na terra. Saber utilizar a água, a terra, o fogo e o ar em benefício comum é ter a ferramenta Divina nas mãos, que aliada ao amor, transforma vidas e alimenta esperanças.


Os benefícios dos quatro elementos para os seres humanos são resumidos por Mãe Mônica Caraccio, a seguir:

ÁGUA: A energia da água pode estimular a intuição e ajudar a expressar os sentimentos com mais facilidade. Atua também em questões práticas, como adquirir jogo de cintura em situações complicadas e vencer a timidez. Elemento que simboliza a Vida, que Alimenta, que ‘lava’ (descarga fluídica) e ‘conduz’ (meio condutor de fluidos). Lida diretamente com as questões EMOCIONAIS. As oferendas feitas à beira d’água limpam, sutilizam e magnetizam o corpo astral.

FOGO: A vibração do elemento fogo certamente proporciona mais entusiasmo e otimismo. Potencialmente usado para transformar o sentimento de desânimo, para motivar ações, nos momentos de colocar objetivos em prática e ainda aumenta a criatividade e bom humor. Elemento que simboliza o “espírito vivo”, a purificação e a Luz, é energia purificadora e energética. Lida diretamente com as questões do DESTINO. As oferendas feitas perto do fogo, como é no caso de fogueiras, queima miasmas, larvas astrais e energiza.

TERRA: Este elemento está ligado às conquistas materiais, à saúde e ao trabalho. Sua influência é ideal a quem busca segurança e determinação, para começar um projeto novo ou procurar emprego. Energia transformadora e curadora. Lida diretamente com as questões do FÍSICO. As oferendas feitas diretamente na terra potencializam o magnetismo mental e a concentração energética fortalecendo a pessoa vibratoriamente.

AR: O elemento ar pode ser ativado para desenvolver a inteligência, o lado racional, a memória e a capacidade verbal e corporal. Energia expansora e movimentadora. Lida diretamente com as questões do MENTAL. As oferendas feitas em campos abertos, ativando a energia do ar, dilata os sete corpos e deixa a pessoa mais leve e harmonizada.


Fontes de Pesquisa:
Wikipédia
Blog Minha Umbanda



Comentários