Pular para o conteúdo principal

Destaques

Ervas na Umbanda - Por Ednay Melo

Ervas na Umbanda


Banhos de Ervas

As ervas nos rituais de Umbanda têm a função de descarregar, purificar, equilibrar, propiciar e fortalecer pessoas e ambientes. A energia vital dos vegetais tem o poder de atuar na aura humana e modificar o campo energético de acordo com a função terapêutica de cada erva, sob a orientação das entidades espirituais que militam na seara umbandista.

Comumente usam-se as ervas em forma de banhos e defumadores. Existem os banhos e defumadores de descarrego de energias negativas e os de fixação de energias positivas.

Classificam-se as ervas em quentes, mornas e frias; geralmente as ervas quentes são utilizadas para o descarrego de energias mais densas e, no banho, nunca devem ser jogadas sobre o ori (cabeça) e sim do pescoço para baixo, salvo as ervas do orixá regente que podem ser jogadas sobre o ori, em conjunto com uma erva fria. As mornas e frias são equilibradoras do campo energético e propiciadoras do tratamento específico para cada pessoa, geralmente podem ser jogadas sobre a cabeça (...)

Trecho retirado do Livro Umbanda Luz e Caridade - Cap. 5 - Ednay Melo

Texto atualizado em 13/06/17




Comentários

  1. gostaria de saber se os 7 banhos de lacre serve para desenvolver as correntes,para que eu possa trabalhar recebendo os meus guias e mestres da jurema?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom dia!
      Sugerimos consultar o seu sacerdote, pois cada Casa tem a sua ritualística. Axé

      Excluir

Postar um comentário