Mundo Espiritual



O homem compõe-se de corpo e Espírito:
O Espírito é ser principal, racional,
inteligente; O corpo é o invólucro material
que reveste o Espirito temporariamente,
para preenchimento da sua missão na Terra
e execução do trabalho necessário ao seu adiantamento. 
O corpo, usado, destrói-se e
o espirito sobrevive à sua destruição.
Privado do Espírito, o corpo é apenas
matéria inerte, qual´instrumento privado
da mola real de função; sem o corpo o
Espírito é tudo: a vida, a inteligência.
Em deixando o corpo torna ao mundo
espiritual, onde paira, para depois
reencarnar. 
Existem, portanto,
dois mundos: O corporal, composto de
Espíritos encarnados; O espiritual,
formado dos Espíritos desencarnados.

Os seres do mundo corporal, devido
mesmo à materialidade do seu envoltório,
estão ligados à Terra ou a qualquer globo;
o mundo espiritual ostenta-se por
toda parte, em redor de nós no Espaço,
sem limite algum designado. Em razão
da natureza fluídica do seu envoltório,
os seres que compõem, em lugar de se
locomoverem penosamente sobre o solo,
transpõem as distância com a rapidez
do pensamento. 
A morte do corpo não é
mais que a ruptura dos laços que o
retinham cativos.
Allan Kardec


Comentários