Na Jornada Espiritual


Na Jornada Espiritual


Sem nos referirmos ao grupo de corações que 
nos compõem a família espiritual, temos 
igualmente conosco legião de benfeitores 
espirituais que não nos abandona.
Prossigamos à frente com aquela 
esperança que jamais esmorece.
Nas horas de agonia moral surgem, 
por outro lado, aqueles irmãos nossos 
do pretérito que ainda não se afinam com 
os nossos ideais de renovação, a trazerem 
sobre o nosso caminho o veneno sutil 
do desânimo, à feição de pessoas inconscientes 
que lançam corrosivos num celeiro de pão.
Estejamos em guarda, trabalhando, servindo, 
ajudando, compreendendo, esperando...
Embora, muitas vezes, a sentir-nos 
desolados e aparentemente sozinhos, não nos 
esqueçamos de mentalizar o Divino Amigo.
Ele, o Mestre Silencioso e Eloqüente, 
caminhará conosco, amparando-nos 
a experiência. É como se voltássemos a 
velhos tempos, registrando-lhe as palavras:
Tende bom ânimo! Eu estou aqui!...

Batuira






Comentários