Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2015

Sobre Umbanda

Imagem
Sobre Umbanda - Por Ednay Melo
Umbanda é uma religião tipicamente brasileira, constituída a partir de uma diversidade de crenças universais como o Africanismo, o Catolicismo e o Espiritismo. É uma religião eclética, que se molda de acordo com a egrégora que a pratica, daí a sua diversidade em Umbanda esotérica, branca, universalista, traçada, omolokô, etc. Esta diversidade tem como aspecto positivo o respeito à liberdade de consciência, imprescindível ao crescimento do ser humano como ser integral, em sua personalidade bio, psíquico e social. E tem como aspecto negativo a confusão de opiniões, refletindo na sociedade uma visão deturpada da Umbanda, muitas vezes uma visão enraizada em conceitos já ultrapassados, que ferem o principal objetivo da religião, que é a oportunidade de crescimento espiritual através de estudo e prática do princípio de amor, fraternidade e caridade.
Este texto surge da necessidade de contribuir para um melhor entendimento da Umbanda, quando a sua filosofia se …

Homenagem Tulca aos Exus Guardiões

Imagem
PALAVRAS DE AGRADECIMENTO DA POMBAGIRA CIGANA DAS ROSAS
Hoje é dia de festa, dia de alegria!
Imensa é a satisfação de poder estar aqui sentindo as vibrações de cada coração, representadas pelos elementos que aqui estão carinhosamente confeccionados, de uma beleza ímpar, para nos agraciar com esta linda homenagem.
Tudo está lindo, porque lindo é o coração de quem fez!
Lindo é o coração do umbandista que ama o seu terreiro, que se dedica com carinho e perseverança, para mantê-lo vivo e forte!
Lindo é o coração do umbandista que respeita e cuida dos seus pais e mães espirituais, que reconhece neles os representantes eleitos de Aruanda!
Lindo é o coração do umbandista que aqui está somente pelo amor ao seu próximo, esquecendo de si mesmo!
Lindo é o coração do umbandista que estando triste fica alegre e cansado fica disposto, quando o trabalho lhe chama!
Lindo é o coração do umbandista verdadeiro que não teme mal algum, porque confia na luz que irradia!
Gratidão pela homenagem, gratidão aos umbandi…

Incorporação Fora do Terreiro

Imagem
Fico triste quando observo os dramas vívidos por pessoas de boa fé, mas de pouco ou quase nenhum conhecimento sobre os mecanismos da mediunidade, por falta de leitura ou pesquisa edificante, e que se arvoram nas práticas da fenomenologia do transe quase sempre induzidos a realizarem incorporações particulares, fora do ambiente do terreiro, por um familiar ou "amigo" desavisado, sob o pretexto da "caridade", caridade esta que normalmente visa questões ingênuas, curiosidades frívolas ou questões sem nenhuma urgência. 
A prática isolada do transe, fora do ambiente preparado espiritualmente e com direção espiritual para tanto, expõe o médium e o consulente as possibilidades malévolas de espíritos mentirosos, enganadores e até mesmo obsessores astrais. 
O fato é lastimável porque além de contaminar a aura do medianeiro e o ambiente doméstico onde é praticado, pode causar constrangimentos de grande monta, visto que raramente o transe se dá de maneira completa podendo de…

Homenagem Tulca ao Orixá Omulu

Imagem
Gira festiva em homenagem a Pai Omulu na sede da Tulca, em 15/08/2015
A todos que contribuíram com sua presença e boas vibrações na nossa singela homenagem a este grande Orixá, Co-Regente do nosso Templo, o nosso mais profundo agradecimento e rogamos que sejamos todos merecedores das bençãos de Pai Omulu no restabelecimento da nossa saúde física, mental e espiritual. 
Salve o dia 16 de agosto!!! Atotô!!!




Axé do Pai Omulu - Por Ednay Melo

Imagem
Axé do Pai Omulu

Omulu é o orixá da saúde e da transformação, a base sólida representada pela terra que promove a sustentação e o equilíbrio de todas as coisas.

A promoção da saúde é dada por merecimento e pelo cumprimento de diversos fatores estabelecidos pelas Leis Universais. A saúde, em seu sentido restrito, é a ausência de doenças. Discorreremos brevemente sobre a questão das doenças, a fim de formarmos um parâmetro para o entendimento do axé deste grande Orixá.

A doença faz parte da vida, está entre nós e por toda a parte. Por que existe a doença? Ninguém gosta de se sentir doente, ela gera mal-estar, sentimento de impotência, flagelo e dor.

A doença é imposta, adquirida ou natural, e pode ser física, mental e espiritual.
Ela é imposta quando a Lei Cármica entra em execução e a doença é necessária para ajudar no progresso do espírito, pois enquanto o sofrimento lhe trava uma vida plena na terra, seu espírito está se depurando, se ajustando, quitando dívidas pretéritas com as Lei…

A Umbanda no Século XXI

Imagem
A Religião de Umbanda encontra-se diante de uma situação curiosa, mas que mais uma vez mostra a grandeza da sabedoria de seus mentores. Iniciada em 1908, deparava-se com um mundo muitíssimo diferente de hoje, onde o telégrafo era o meio mais rápido de comunicação, e hoje cem anos depois é um sistema completamente ultrapassado; a luz elétrica, aviões, computadores, naves espaciais, telefones celulares, internet, e muitas outras modernidades tão comuns aos nossos dias, nos idos de 1908 eram coisas inimagináveis para a maioria.
Podemos perceber claramente que o mundo mudou e desenvolveu nos últimos cem anos, muitíssimas vezes mais do que em toda fase pretérita. Mas e a Umbanda, como ficou ou ficará? Não poderia nem pensar em responder tal questão, até o dia que procurado por um Guia, este me pediu para que o assunto do próximo estudo (abril de 2009) fosse “A evolução da Umbanda diante da evolução do Planeta”. Tal pedido me deixou surpreso e temeroso, pois como iria falar de uma coisa qu…

Erva Quebra Pedra - Pesquisado por Ednay Melo

Imagem
Nome popular: Quebra-pedra, Arrebenta-pedra, Erva-pomba, Quebra-pedra-branco Nome científico: Phyllanthus niruri L. Família: Euphorbiaceae Origem: Região tropical. Propriedades: Diurética, aperiente, analgésica, relaxante muscular, anti-infecciosa. Parte usada: Toda a planta.
Usos: Seu uso em medicina popular é referido de longa data na literatura etnofarmacológica, de forma unânime como remédio para os rins, a fim de eliminar pedras dos rins e para urinar mais. 
Estudos demonstram que sua administração promove relaxamento dos ureteres, que aliado a uma ação analgésica, facilita a descida dos cálculos, geralmente sem dor nem sangramento, aumentando também a filtração glomerular e a excreção de ácido úrico. Esses resultados justificam seu uso popular para tratamento das pedras nos rins (litíase renal) e, provavelmente, no reumatismo gotoso e outras afecções caracterizadas por taxas elevadas de ácido úrico.
O gênero Phyllanthus é composto por várias espécies, muitas das quais apresentan…

Novos Livros no Dicas de Leitura

Erva Aroeira - Pesquisado por Ednay Melo

Imagem
Nome Científico: Schinus terebinthifolius Raddie 
A aroeira (Schinus terebinthifolius) é uma planta medicinal também conhecida como aroeira-mansa, aroeira-brasileira, aroeira-vermelha, árvore-de-aroeira, cabuí, cambuí, fruto-de-sabiá, aguaraíba, aroeira-da-praia, aroeira-do-brejo, aroeira-pimenteira, corneíba, aroeira-do-Paraná, aroeira-do-sertão, pimenta-rosa, dentre outros nomes populares. Pertence à família Anacardiaceae.
A Aroeira é uma árvore pequena, que pode chegar a 7 metros de altura, ele tem caule tortuoso e casca vermelho-escura. Flores verde-amareladas, pequenas. A Aroeira tem três variedades: a aroeira-brava ou aroeira-branca (L. molleoides); a aroeira-mansa ou aroeira-vermelha ( Schinus molle L.) e a aroeira-do-sertão (Myracrodruon urundeuva). Esta árvore é facilmente encontrada desde o Ceará até o estado do Paraná e Mato Grosso do Sul. É mais frequente no nordeste do país, oeste dos estados da Bahia, Minas Gerais, São Paulo e sul dos estados de Mato Grosso do Sul, Mato …

No Balanço das Provas

Imagem
Não raro deitamos a culpa de nossos fracassos e aflições sobre os outros, todavia, acautelemo-nos contra semelhante atitude.
Fixemo-nos, ao revés disso, em nossas infinitas possibilidades de ação e renovação.
Provavelmente, em nossas fraquezas, teremos sido alguma vez defrontados pela tentação de acusar amigos ou adversários, quanto aos acontecimentos desagradáveis que nos ocorrem, no entanto, basta investigar o intimo para reconhecermos que as nossas falhas e erros pertencem às opiniões e decisões que formamos por nós próprios. Todos estamos entrosados uns com os outros, através de vastas cadeias de relações e reações, no intercâmbio espiritual e as experiências que nos são necessárias decorrem de nossa vinculação com o próximo.
Urge, porém, reconhecer que, seja endereçando sugestões a alguém ou recolhendo as sugestões de alguém, responderemos por nossas resoluções. Na oferta ou no aceite de idéias e emoções, formulamos compromissos, porquanto, os princípios de causa e efeito funcio…