Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2014

A Bíblia do Umbandista

Imagem
Meus irmãos eu vou relatar um pensamento, que me foi apresentado, de um Guia, em uma gira de Exu-Velho, e sinceramente, eu fiquei impressionado com a sabedoria deste Exu-Velho, no final do relato eu conto quem foi o Sr. Da Luz. 
Certo dia estava conversando com um conhecido de outra religião (totalmente oposta aos nossos conceitos) e acabamos entrando em uma discussão sobre livros e claro que o questionamento inevitável foi feito: - Porque a sua religião não tem uma Bíblia? O Silêncio tomou conta de nosso diálogo por um pequeno instante. Expliquei que temos vários livros que contam a história de nossa religião, procedimentos, condutas, fatos que são relatados, etc. Mas confesso que de início concordei com a observação do questionador. Bom, continuamos com a nossa conversa, mas aquilo ficou martelando em minha cabeça, por alguns dias, até a chegada da Luz do irmão e amigo Exu-Velho. 
É chegado o dia da Gira de Exu-Velho, os sábios Tatás que recebemos em nossa Sagrada Umbanda, e posso …

Absurdos em nome da Umbanda

Imagem
Isto não é Umbanda:
"Resolvo os problemas amorosos e profissionais, curo qualquer doença (até viadagem). Curo qualquer vício. 
Encontro cão perdido, tiro unha encravada e até firmose. 
Jogo cartas, bingo e bilhar." 
***

Quantos panfletos colados nos postes, nos muros de nossa cidade temos quase igual a este? Chegam a ser absurdos, não é mesmo? Como é que eles têm tanto poder assim? A tela búdica deles consegue ser bem apurada! E observem que trabalham em favor de muita grana, não é mesmo?


Caros amigos, não venham à Umbanda com essa finalidade de que aqui vocês, com certeza, vão encontrar a solução para os seus problemas. Sabemos que temos que passar por algumas situações para que tenhamos crescimento espiritual, e se formos merecedores, se caminharmos corretamente, Oxalá nos amenizará dos sofrimentos e quiçá, nos perdoará e sairemos muito rápido dos nossos sofrimentos.

Estamos sempre lembrando que alguns consulentes e médiuns que vêm à Umbanda para pedir que sua situação melhore, …

Consciência do Dever

Imagem
O fato de médicos e hospitais de vários municípios do Rio Grande do Sul terem se recusado a fazer o abortamento em uma adolescente de 14 anos, apesar da autorização judicial que trazia consigo, foi manchete nas mídias.
Segundo as notícias, a jovem disse que sua gravidez foi fruto de estupro e obteve do Juiz a permissão para realizar o aborto, isentando médicos e hospitais que se dispusessem a eliminar a vida que pulsava em seu ventre.
Embora o Juiz tenha autorizado o aborto, não lhe caberia o direito de obrigar ninguém a realizar o feito, pois nem sempre a legalidade de um ato o torna moral.
O que vale ressaltar na atitude desses médicos é a consciência do dever. O dever assumido, perante si mesmos, de defender a vida.
"O dever é a obrigação moral da criatura para consigo mesma, primeiro, e, em seguida, para com os outros."
Ao concluírem o curso os médicos fazem um juramento, o mesmo juramento feito por Hipócrates, um sábio grego que viveu no século v antes de cristo, e é c…

Dirigentes bem orientados

Imagem
Ninguém serve a Jesus temendo o contato com os doentes e, se o dirigente for incapaz de amar, transmitirá a insegurança e o medo. O dirigente também deve lembrar-se que a sala mediúnica não é uma classe de crianças em alfabetização, são pais e mães de família, muitos deles sofredores, levando um pouco de paz para aqueles que tanto precisam. O homem que deseja aprisionar outros homens está longe de conquistar a liberdade, porque ainda é uma presa do inimigo do Senhor - o orgulho. Acreditamos que não poucos ainda usam mal essa charrua, dando-lhe o brilho das coisas terrenas, esquecidos de que Jesus nos ensinou, pelo exemplo, a dar a César o que é de César e a Deus o que é de Deus.
Portanto, amigos, devemos tomar cuidado como dirigentes de grupo mediúnico, pois se numa Casa Espírita os nossos atos são observados pelos encarnados, devemos lembrar-nos de que ainda mais o são estudados e analisados pelos que já fizeram a grande viagem.
É tão fácil saber se estamos sendo fiéis discípulos de …

Luxo na Umbanda: Necessidade ou Vaidade?

Imagem
Vamos refletir sobre: “necessidade x vaidade x humildade”.

Não está acontecendo um exagero de vaidade na Umbanda (não da religião, mas dos adeptos)?
Entre muitos aspectos, podemos citar como exemplo a vestimenta e os paramentos: quando o médium tem uma entidade ou outra que usa um apetrecho de trabalho (um chapéu, um lenço, uma bengala ou mesmo outro elemento), nota-se que a necessidade desse material é do guia, ou seja, aquele espírito usa o chapéu, o lenço etc. para realizar seu trabalho, dentro do seu fundamento.
Mas, quando TODAS as entidades que trabalham com o mesmo médium, ou todas do mesmo terreiro (mesmo em médiuns diferentes) precisam se paramentar, não seria mais coisa do(s) médium(ns), na maioria das vezes semi-consciente(s), do que do(s) espírito(s) atuante(s)?
Na internet, revistas e jornais, podemos ver com facilidade, fotos em que o mesmo médium (ou todos do terreiro), quando incorporado(s) apresenta(m)-se da seguinte forma: o baiano está vestido de cangaceiro, com fala…

Preconceito Umbandístico

Imagem
Acrescentaríamos a este texto tão bem vindo a qualquer época: aos umbandistas que envergonham a religião, se escondendo na sombra do seu irmão a fim de roubar a sua luz... Ednay Melo
***
"Queria falar de uma espécie de preconceito que existe, e muitas vezes não damos conta que existe, pois muitas vezes optamos por discutir o preconceito religioso, sendo este de fora pra dentro da nossa religião. Gostaria de adentrar no preconceito umbandístico (se o nome não existe, criei agora, muito embora desde 1908, acredito que deva existir o sentimento).
Há muito tempo, cada um de nós adquire experiências que se encaixam perfeitamente neste tema que estou abordando. É fato lastimável e quesito sustentador que comprova cada vez mais porque a Umbanda é uma religião que, embora linda, ainda seja motivo de galhofa... Mas galhofa porquê? Por que existem aqueles que atiram pedras? Sim, existem... Mas existem aqueles que dão motivo para tal. Talvez haja um culpado, mas se há,  quem seria? Da mídia …

A Defumação: Seus Efeitos Astrais e Físicos

Imagem
“Defuma com as ervas da Jurema. Defuma com arruda e guiné. Com alecrim, benjoim e alfazema. Vamos defumar filhos de fé.”

Deus, perfeito em sua criação, dotou o Homem de vários sentidos, para que seu espírito tivesse assim portas de comunicação com o mundo físico, ajudando-o a viver, integrar-se e evoluir nesta escola chamada Terra.
Dentre estes sentidos está o olfato, que ao captar os aromas, nos despertam lembranças e associações, aflorando nossas emoções e fazendo-nos rir, ou chorar de saudades.
Quem já não voltou ao passado, sentindo fragrâncias que fizessem lembrar a infância distante? Ou, para nós umbandistas, que ao sentirmos o aroma provindo do charuto ou cachimbo, não lembramos imediatamente de nossos queridos Pretos-Velhos e Caboclos?!
Assim, através dos aromas podemos ficar relaxados, agitados, próximos ou afastados de pessoas, coisas ou lugares. Por este motivo, os templos do Egito antigo, dos Hindus, Persas, e hoje os templos umbandistas, católicos, esotéricos etc. Sensibilizam…

Deixar Secar Primeiro

Imagem
Contam que Carlyle, o célebre historiador escocês, quando ainda era muito moço, teve uma questão muito grave com um dos seus companheiros. Um dia, sentindo-se insultado, declarou que ia imediatamente exigir satisfações daquele que o havia ofendido.
Um velho professor, informado do caso, aproximou-se de Carlyle e disse-lhe:
Meu caro amigo. Tenho longa experiência de vida e conheço as conseqüências tristes dos atos impetuosos.
Um insulto é como a lama que cai em nossa blusa. A lama pode ser retirada facilmente, com uma simples escova, quando já está seca.
Deixe secar primeiro. Não seja apressado. Espere até que se acalme, e verá como tudo será facilmente resolvido.
Carlyle aceitou o conselho do professor, e o resultado foi tão feliz que, no dia seguinte, o colega que o insultara veio lhe pedir desculpas.
Malba Tahan, nesta rica passagem, vem nos dizer que, dada a grande diversidade de temperamentos e caracteres humanos, não nos é possível viver em paz com o próximo, sem refrearmos a ir…

Na Umbanda Todos São Iguais

Imagem
No meio das atividades espirituais e materiais dos terreiros de Umbanda que pregam a igualdade, a fraternidade, o amor, um fato, dentre de muitos, nos chama à atenção. Por isso mesmo, merece uma análise mais profunda e esclarecedora por parte daqueles que querem ver a Umbanda mais forte e coesa. 


A Umbanda, assim como outros agrupamentos religiosos, é formada por pessoas das mais diferentes classes econômico-sociais e étnicas, que formam o que se denomina de meio religioso intercorrente. Também é de conhecimento geral que, não obstante as pessoas terem profissões ou ofícios diferentes, todos deverão estar ali, naquele espaço, imbuídas da mesma finalidade: auxílio espiritual caritativo aos necessitados do corpo e da alma.


Faz-se então necessário traçar uma linha divisória entre o status que algumas pessoas possam ter em sociedade e o trabalho espiritual exercido pelas mesmas.
Todos, independentemente dos títulos honoríficos ou profissionais que possam ter deverão estar irmanados com aque…

Despacho ou Mentes Desequilibradas?

Imagem
Observamos, no decorrer de anos de trabalhos a fio, nuances preciosos que irão margear bem o que iremos decorrer nessa nossa discussão. Dentro da psiquiatria moderna, iremos encontrar estudos preciosos quanto aos transes religiosos, as vi­sões de espíritos, a crença nas feiti­çarias, ma­gias negras, encostos, de­mônios, etc. 
O grande psicanalista suíço, Carl Jung, teorizou que os maus espíritos, ou as figuras aterrorizantes, são ima­gens gravadas coletivamente na mente humana e foram batizados de arqué­tipo. Esses arquétipos acompanham a humanidade há milhares de anos. O diabo é um desses arquétipos, que muitos acreditam incorporar, e representa forças destrutivas dentro da própria pessoa. Através dessa crença, muitos procuram as religiões para que seja efetuado um “exorcismo”, cuja função seria livrar a pessoa dos maus que a apoquentam, e que esse “exorcismo” puniria o delinqüente que estaria perturbando a pessoa, por mais poderoso que seja. 
O apelo ao demônio é forte porque atend…

Respeito

Imagem
Nós Umbandistas como todos os seres humanos, estamos passiveis a erros e acertos, somos passionais em alguns casos e racionais em outros, mas não podemos nos furtar de uma coisa, temos a obrigação de nos respeitarmos.
Nossa comunidade que se diz tão discriminada por outros segmentos, sofre muito mais com o desrespeito entre seus membros.
De que adianta criarmos movimentos para cobrar dos outros uma coisas que não temos em nosso meio, o respeito.
O pensar é livre e o entendimento também, a Umbanda por sua diversidade nos permite varias formas e maneiras de entendê-la, é a única religião que nos permite adequar a sua pratica ao nosso gosto, nos da à chance de exercitarmos nosso bom senso e nosso livre arbítrio, nos permite encontrarmos sempre um local com o qual tenhamos afinidade com a forma que a Umbanda é praticada ali.
Não importa a raiz que seguimos, ou qual a denominação, o que importa é que a essência da Umbanda esteja presente.
Não temos condições de afirmar o que é certo ou err…

A Umbanda de Jesus

Imagem
Sete Encruzilhadas, o Caboclo que anunciou o surgimento da Religião de Umbanda em 1908, declarou que Jesus seria o Mestre a ser seguido pelos umbandistas. Controvérsias à parte, já que alguns não aceitam suas palavras como base para uma vida espiritual sadia, Jesus é o modelo mais perfeito escolhido para ser o espelho dos médiuns e demais seguidores da Umbanda. Não há outro Médium vivido entre os homens que tenha subtraído toda a autoridade do Grande Mestre da Judéia em se tratando de vida mediúnica sadia e correta.

Jesus, o Médium, em nenhum momento fez alarde de sua missão na Terra. Sendo detentor de tanta autoridade, jamais exigiu que os homens se subjugassem a Ele. Jamais impôs sua condição de Ser Iluminado a fim de obter prestígio perante os grandes e diante dos pequenos. Suas palavras, cheias de autoridade, jamais foram autoritárias. Pelo contrário, tinham uma meiguice e uma simplicidade que encantavam os pequenos e incomodavam alguns que se achavam grandes.

Em sua trajetória me…

Umbanda não faz milagre. Faz caridade!

Imagem
É fato comum chegarem aos terreiros pessoas extremamente deprimidas, adoentadas ou desesperadas pelo fato de não encontrarem em nenhum outro lugar o remédio para seus males. Já passaram por consultórios médicos, igrejas, milagreiros de todas as espécies. 

Em todos os lugares, foram deixando sua história registrada, acrescida de decepção e gastos financeiros além da conta. Com a promessa e a busca de “milagres”, pagaram dízimos ou oferendas, tentando terceirizar a solução de seus problemas ou de sua suposta “má sorte”. E enquanto seu saldo bancário e sua fé diminuem, sua decepção e dor aumentam. 
O local que não cobra pela caridade geralmente leva a fama de ser “muito fraco”, pois infelizmente as pessoas ainda têm a falsa concepção de que “se não cobrar e bem cobrado, a coisa não funciona”. 
Além disso, há os que necessitam vivenciar o “fenômeno” para que sua fé tenha fundamento. “Imagina... guia que fica só aconselhando, mandando rezar e mudar a maneira de pensar...”. Como bem fala o d…

Mandato Pessoal

Imagem
Tudo no universo possui uma função, com vistas ao bem geral.
Basta analisar a natureza para perceber que absolutamente nada é destituído de utilidade.
O animal mais insignificante e a menor planta inserem-se no ciclo da vida, de forma útil.
Assim também o homem é chamado a colaborar com o progresso.
Ciente dessa realidade importa considerar o valor da tarefa que está em suas mãos.
O que lhe compete fazer no mundo corresponde a um mandato do alto, um desígnio divino para a sua pessoa.
Todos devem estar convictos de que ninguém realiza nada sem Deus.
Isso, porém, não autoriza que a criatura se considere desonerada das obrigações que lhe competem no contexto geral da vida.
Cada qual tem sua responsabilidade, concedida pelo alto a título de tarefa e de auxílio.
Esse raciocínio não se destina a supervalorizar as personalidades humanas, por si sós já muito necessitadas de humildade.
Cuida-se apenas de chamar a atenção para os créditos individuais com que a providência divina enriqueceu cada…

Relação dos Chacras com os Orixás

Imagem
Um Breve Estudo dos Chakras na Umbanda: ● Sua relação com os 7 Sentidos da Vida e com os Orixás; ● Regências dos Orixás sobre os órgãos do corpo físico. Tratamento energético. Introdução O que são  chakras. Quando se formam. Os chakras são centros de energia ou canais receptores e transmissores da Energia Vital (prana, fluido universal, tchi etc.). São centros vitais para a saúde física, mental, emocional e espiritual do ser humano. A palavra chakra vem do sânscrito e significa roda. A um olhar clarividente, os chakras se apresentam como rodas de energia que ficam girando, localizadas em determinadas partes do corpo humano ou animal. Lembram "funis" receptores da Energia Vital e se estendem do corpo físico para fora. Os chakras se formam no Plano Elemental da Vida (3º. estágio da evolução humana) e se desenvolvem ao longo da nossa vida; ficando mais visíveis, desenvolvidos e funcionais na fase adulta do ser humano. Um bebê não tem todos os chakras bem definidos. Isso só irá acontecer…