Postagens

Mostrando postagens de 2013

Homenagem aos Orixás mês Dezembro 2013

Imagem
E assim, com muita alegria e consciência do dever cumprido, encerramos o nosso ano...


Epa Babá nosso Pai Oxalá! Salve a sua grandeza e o seu amor por nós!





Eparrê nossa Mãe Iansã! Salve a sua perseverança a se refletir em nós!





Odô iá! Oh doce Iabá nossa Mãe Iemanjá! Salve a sua luz a nos direcionar!






Agradecidos estamos e sempre estaremos pela oportunidade de interagir com as energias sublimes dos nossos Divinos Orixás!
Agradecidos estamos a todos os que confiaram e se uniram a nós para expandir esta pequena centelha de luz a todos os necessitados!
Feliz Natal e Próspero Ano Novo a todos os que fazem a Família TULCA e a todos os que fazem a nossa grande família universal.

Ednay Melo






Salve o Dia 13 de Dezembro - Salve a Marujada!

Imagem
Marinheiros
Entidades que trabalham na linha das águas, os marinheiros chegam aos terreiros cambaleando como quem não se acostuma à terra firme. Aos poucos eles desembarcam de seus navios da calunga grande com suas gargalhadas, abraços e apertos de mão.

As giras de Marinheiros são bem alegres e descontraídas. Eles são espíritos alegres e cordiais que gostam de imitar os marujos nos tombadilhos dos navios em dias de tempestade. Na verdade, são seus magnetismos aquáticos que lhes dão a impressão de que o solo está se movendo sob seus pés, o que os obriga a se locomoverem para a frente e para trás. Com palavras macias e diretas eles vão bem fundo na alma dos consulentes e em seus problemas, são sinceros e ligeiramente românticos, sentimentais e amigos. São verdadeiros curadores de alma e até das doenças físicas, afinal, devido às suas experiências em alto mar possuem muito conhecimento sobre a medicina popular.

Trazem uma mensagem de esperança e muita força, nos dizendo que se pode lutar …

Festa de Ibejada

-Uau...que lindo! Veja quanto balão colorido...E quantos amiguinhos tem aqui!!!
Os olhos da menina brilhavam ao entrar naquele ambiente onde fora conduzida durante o coma, por seu amigo protetor. Enquanto seu corpo inerte sobre o leito hospitalar, acoplado a vários aparelhos, mantinha uma vida quase artificial, em corpo espiritual foi retirada daquele ambiente triste, para que pudesse receber auxílio junto a um terreiro de Umbanda onde se realizava uma festa de Ibejada.
-Tio, quero aquele balão...me dá um pirulito? Posso tomar guaraná?
Milena, ali naquele local não aparentava mais a menina depressiva e triste que há vários dias adoecera e simplesmente desistiu de querer viver, por isso entrou em inanição, chegando ao coma. Cansada de maus tratos pela mãe adotiva e sem ter a quem se socorrer, resolveu que queria morrer quando ainda não tinha 6 anos de idade.
Agora Milena, entre as crianças encarnadas que se aglomeravam em meio aos Ibejis e todos aqueles doces e refrigerantes, sorria fel…

A Prática Umbandista

Nessa caminhada evolutiva, estamos em constante intercâmbio com o plano espiritual, de onde recebemos influências de entidades amigas que nos auxiliam, ou de desafetos que procuram nos prejudicar.
Todos os seres encarnados no planeta são suscetíveis a essas influências e a maioria das religiões tem conhecimento disso, tanto que sempre se acreditou em anjos da guarda, em gênios do bem e do mal, demônios e outras crenças similares.

Algumas pessoas, contudo, possuem uma maior capacidade de estabelecer contato com os irmãos desencarnados, através da faculdade mediúnica, que pode se manifestar através da visão, da audição, da intuição, ou da psicofonia, vulgarmente conhecida como incorporação.

Na Umbanda, trabalhadores espirituais organizados em legiões distintas utilizam-se da faculdade mediúnica para comunicarem-se diretamente com os irmãos encarnados, trazendo aconselhamento, afastando espíritos menos esclarecidos voltados para o mal, aplicando passes energéticos, fazendo limpeza fluídica…

Poema à Mãe Iemanjá

Imagem
O teu mar, fonte de poesias e de encanto, enaltece o espírito de quem sabe ouvir o cantarolar das suas ondas... Grande provedor de alimentos que nosso Pai Maior nos presenteou... Acolhe a todos nós como um grande útero universal, querida Mãe de todos nós... Aquela que alimenta, que ampara, que cuida, que ensina, que afaga... E que com a paciência de mãe, espera pelo crescimento espiritual de cada um...
Ajuda-me oh mãezinha, a compreender o fundamento maior do meu lugar no mundo, para que eu possa vencer as intempéries no caminho... Para que eu possa continuar rumo ao Pai, apesar das pedras que me jogam a fim de que eu estacione... Para que eu possa compreender e me fazer compreender pelos loucos e desvairados...
Mas acima de tudo, ajuda-me a vencer os meus próprios desafios... De ser um ser humano melhor a cada dia e apesar de tudo...
Ensina-me que se é mais feliz ao agradecer do que pedir...
E neste momento de prece, entendo a grandiosa oportunidade de estar no mundo para progredir, que as aleg…

Os Caboclos na Lição de Pai João

Imagem
“-Pois é, meu filho, mas como você veio em busca de conhecimento, Pai João gosta muito disso e aproveita para falar a respeito dessas e de outras coisas importantes. É preciso formar uma ideia mais ampla sobre a diversidade de espíritos que trabalham em nosso planeta. Examine, por exemplo, o caso dos caboclos. As entidades espirituais que se manifestam tanto em seus médiuns quanto no plano astral com a vestimenta de caboclo não foram obrigatoriamente índios ou selvagens em sua última encarnação. Muito pelo contrário.
Grande número dos espíritos que adotam a característica de caboclo tiveram seu caráter firme forjado em templos do passado, principalmente entre as civilizações incas e astecas, entre outras. Tal como ocorre com os pais-velhos, possuem íntima ligação com certas energias da natureza, tanto quanto com a cultura da qual procedem.


Em virtude desse fato, preferem estampar a imagem de um índio, de um sertanejo ou de um bandeirante em sua vestimenta espiritual, em sua aparência. D…

Para o Médium Refletir

Tenho muito dó de quem pensa que a Umbanda é um mar de rosas e que todos nossos problemas serão resolvidos a partir do momento em que colocarmos a roupa branca. Muito pelo contrário, a Umbanda, quando aceita de coração e incorporada à nossa vida, nos leva a ficar cara a cara com nossas deficiências e falhas, escancarando nossos sentimentos e apurando nossas verdades. Um verdadeiro vendaval de mudanças internas nos arrasta e transforma nosso intimo preparando-o para o bom exercício religioso tornando-nos pessoas melhores e mais centradas.

Deixa-nos mais fortes e tolerantes, mais sensíveis e piedosos, mas os problemas acumulados em nossa existência somente serão resolvidos com firmeza, determinação e o uso sapiente do livre arbítrio, inerente a todos os seres humanos, nunca pelos meandros ou facilidades de nossa religião, por mais que isso seja apregoado por uma imensa turba de aproveitadores da boa fé alheia.

O mau uso dos mistérios astrais, a exigência demasiada com nossos orixás e en…

Receita de Magia Cigana para o Ano Novo - Cigana Esmeralda / Ednay Melo

Imagem
Ano Novo se aproxima e, nesta época, a tradição é fazer simpatias para atrair a boa sorte!
A pedidos dos irmãos e amigos da nossa Tenda, repasso ao nosso Blog a Magia Cigana indicada pela Cigana Esmeralda na nossa gira de hoje:

Material:
2 litros de água do mar (peça licença à Iemanjá para retirar a água)Folhas de louroErva doceCravo da índiaCanela em pauSalsaCedroArrozprato brancoVaras de incenso a escolher: sândalo, alfazema, alecrim ou lavanda (na quantidade dos aposentos da sua casa)1 vela colorida (exceto a cor preta)
Modo de fazer:
No dia 30 de dezembro aguar a residência com a água do mar, percorrendo os aposentos de trás para frente, pedir que este procedimento faça a limpeza espiritual do ambiente. Logo após, arrumar no prato branco, em forma de triângulo, os elementos acima (um pouco de cada), fazendo 3 molhos , de forma que as varas de incenso sejam distribuídas ao lado desses molhos pelo lado de fora do triângulo.Firmar o ponto no centro do prato e pedir a Santa Sara Kali que co…

Não Confunda o Médium com a Entidade

É muito comum ver esse tipo de confusão sendo feita pelos consulentes, pessoas que vão ali no terreiro para conversar com as entidades, pedir conselhos ou apenas ouvir uma palavra de conforto pois, várias vezes, elas fixam em suas cabeças a imagem do médium (que está com o corpo ali presente) proferindo aquelas palavras de conforto ou dando sábios conselhos sem sequer notar que quem na verdade está falando (ou deveria estar) é a entidade que está (ou deveria estar) ali trabalhando.
Há casos em que o consulente que esteve presente em alguma sessão no terreiro encontra um médium no meio da rua e resolve, sabe-se lá por qual motivo, pedir-lhe conselhos ali mesmo ou até mesmo contar uma longa história de sua vida, achando que ali, no meio da rua, o médium vai poder lhe ajudar da mesma forma que o ajudou quando estava em transe mediúnico no terreiro.

É de fundamental importância que se tenha consciência que quando você vai a algum terreiro e conversa com uma entidade o médium está ali apena…

Alecrim - Pesquisado por Ednay Melo

Imagem
Nome Científico: Rosmarinus officinalis

Nomes Populares: Alecrim, Alecrim-da-horta, Alecrim-de-cheiro, Alecrim-de-jardim, Alecrim-rosmarinho, Alecrim-rosmarino, Alecrinzeiro, Erva-da-graça, Libanotis, Rosmarino
Família: Lamiaceae
Categoria: Arbustos, Ervas Condimentares, Medicinal,Plantas Hortícolas
Clima: Continental, Mediterrâneo, Oceânico, Subtropical,Tropical
Origem: Europa
Altura: 0.6 a 0.9 metros, 0.9 a 1.2 metros
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene




O alecrim é uma espécie arbustiva, muito ramificada, que pode alcançar 1,5 metros de altura. Seu nome científico Rosmarinus significa em latim “orvalho que vem do mar”, essa denominação foi dada pelos romanos devido ao aroma da planta, que vegetava espontaneamente em regiões litorâneas.


As hastes do alecrim são lenhosas e as folhas são filiformes, pequenas e sempre verdes na parte superior e esbranquiçadas no verso, com pêlos finos e curtos. As flores são axilares e podem ser azuis, brancas, roxas ou róseas. Floresce durante o ano t…

A Cura por um Preto Velho

Imagem
A cura do corpo dependede se curar primeiro a alma, Pois só remédio não resolve pra quem não conhece a calma... Aflição e desespero semeiam a insatisfação: Um coração aflito acolhe a dor e a revolta E mesmo que o Sol brilhe, ele nada enxerga à sua volta... A cabeça é tomada de angústia, Não há pensamento bom; Da maldade nasce a crença negativa Que lança raízes dentro do Ser E a Luz que mora nele não se consegue mais ver... De repente ―é o que parece―, a vida fica ruim: Nada serve, nada vale, é um sofrimento sem fim... Quando se adoece na alma, é preciso muita calma... Fazer o caminho da volta, pra alcançar a Redenção: Abandonar a ilusãosair da escuridão que se formou, Clareando o entendimento na Luz que Zâmbi emanou. Lembrar que é filho de Zâmbi, O Pai que nos criou por Amor, E amar a si mesmosem rejeição, Pois olhar-se com respeito é contemplar a Criação... Ver a Luz dentro de si, Ficar consciente, Pra compreender o instante que passa, Pois tudo passa... Não vale perder-se da alma, não vale adoecer!... Mai…

Por que Você está na Umbanda?

"Estou na Umbanda porque estou doente" - Saia da Umbanda Irmão! A Umbanda não vende Curas, procure um Hospital.



"Estou na Umbanda porque é minha missão" - Saia da Umbanda Irmão! A Umbanda assim como a espiritualidade respeita o livre arbítrio, não se sinta obrigado a nada.

"Estou na Umbanda porque estou desempregado" - Saia da Umbanda Irmão! A Umbanda não vende promessas de prosperidade, pois o ganho material nada soma a espiritualidade, procure uma agência de Empregos.

"Estou na Umbanda porque Minhas Entidades fecharam meus caminhos" - Saia da Umbanda Irmão! Entidade de Umbanda que trabalha na Luz não fecha o caminho de ninguém, muito menos de seu aparelho de ação, aceite suas imperfeições!

"Estou na Umbanda porque Tenho Mediunidade Forte" - Saia da Umbanda Irmão! A Umbanda não é competição do mais forte ou fraco, mediunidade não tem medida, o que te motiva é a simples vaidade e cegueira por poder, Procure um Circo!

"Estou na Umb…

Poema da Gratidão

Imagem
Muito obrigado Senhor!
Muito obrigado pelo que me deste. Muito obrigado pelo que me dás. Obrigado pelo pão, pela vida, pelo ar, pela paz. Muito obrigado pela beleza que os meus olhos vêem no altar da natureza. Olhos que fitam o céu, a terra e o mar Que acompanham a ave ligeira que corre fagueira pelo céu de anil  E se detém na terra verde, salpicada de flores em tonalidades mil. 
Muito obrigado Senhor!  Porque eu posso ver meu amor.  Mas diante da minha visão  Eu detecto cegos guiando na escuridão que tropeçam na multidão, que choram na solidão.  Por eles eu oro e a ti imploro comiseração  Porque eu sei que depois desta lida, na outra vida, eles também enxergarão! 
Muito obrigado Senhor!  Pelos ouvidos meus que me foram dados por Deus.  Ouvidos que ouvem o tamborilar da chuva no telheiro  A melodia do vento nos ramos do olmeiro  As lágrimas que vertem os olhos do mundo inteiro!  Ouvidos que ouvem a música do povo que desce do morro na praça a cantar.  A melodia dos imortais, que se h…