Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2012

A Linha do Oriente e de Cura na Umbanda - Por Edmundo Pellizari

Imagem
"A Linha do Oriente é parte da he­rança da Umbanda brasileira. Ela é com­posta por inúmeras entidades, classi­ficadas em sete falanges e majorita­riamente de origem oriental. Apesar dis­­so, muitos espíritos desta Linha po­dem apre­sentar-se como caboclos ou pretos velhos. 
O Caboclo Timbirí (ca­bo­clo japo­nęs) e Pai Jacó (Jacob do Ori­ente, um preto velho bastante ver­sado na Ca­bala Hebraica), săo os casos mais co­nhe­cidos. Hoje em dia, ganha força o cul­to do Caboclo Pena de Pa­văo, enti­dade que trabalha com as for­ças espiri­tuais divinas de origem indiana. 
Mas nem todos os espíritos săo ori­entais no sentido comum da palavra. Es­ta Linha procurou abri­gar as mais di­ver­sas entidades, que a princípio năo se encaixavam na matriz formadora do bra­sileiro (índio, portuguęs e afri­cano). 
A Linha do Oriente foi muito popular de 1950 a 1960, quando as tradiçőes bu­­­distas e hindus se firmaram entre o povo brasileiro. Os imigrantes chineses e japoneses, sobretudo, passaram a…

Glória ao Bem

Imagem
“Glória, porém, e honra e paz a qualquer que obra o bem.” - Paulo (ROMANOS, capítulo 2, versículo 10.)

A malícia costuma conduzir o homem a falsas apreciações do bem, quando não parta da confissão religiosa a que se dedica, do ambiente de trabalho que lhe é próprio, da comunidade familiar em que se integra.
O egoísmo fá-lo crer que o bem completo só poderia nascer de suas mãos ou dos seus. Esse é dos característicos mais inferiores da personalidade.
O bem flui incessantemente de Deus e Deus é o Pai de todos os homens. E é através do homem bom que o Altíssimo trabalha contra o sectarismo que lhe transformou os filhos terrestres em combatentes contumazes, de ações estéreis e sanguinolentas.
Por mais que as lições espontâneas do Céu convoquem as criaturas ao reconhecimento dessa verdade, continuam os homens em atitudes de ofensiva, ameaça e destruição, uns para com os outros.
O Pai, no entanto, consagrará o bem, onde quer que o bem esteja. É indispensável não atentarmos para os indivíduos, mas…

Umbandas (parte II)

Imagem
Antes de começar a escrever quero me caracterizar como um fã incondicional do Pai Etienne Sales do RJ, ser humano por que nutro a maior simpatia, embora nossos encontros pessoais se resumam a sua participação no 1° Seminário de Cidadania Umbandista, promovido pela FUEP - Federação Umbandista do Estado do PR, da qual estou presidente até 2013.


Feita essa preliminar, gostaria de contribuir na discussão, notadamente com relação a questão da Diversidade, propondo desde já o mote que deve nos guiar no século XXI: "Unidade na Diversidade".
É voz corrente, em nosso país, com fortes ligações com a Igreja Católica, que cada um de nós, embora feitos à imagem e semelhança divina, carrega diferentes características, tornando-nos únicos. Esse talvez seja o motivo para nos identificamos com essa ou aquela casa, com esse ou aquele Pai (Mãe) - de - Santo e com o seu jeito de tocar o trabalho, de onde vem a nossa opção por frequentar  esse ou aquele Terreiro. Mas, essa diversidade tão grande d…

Umbandas

Imagem
A diferença entre aquilo que eu quero como Umbanda e como são as coisas nas Umbandas.

Essa semana recebi um texto falando contra as diversas formas de Umbanda, como se houvesse apenas uma ou que fosse necessário seguir apenas uma forma, rito, doutrina.

Não se levou em consideração o processo de desenvolvimento que todas as religiões do mundo (Cristianismo, Budismo, Judaísmo ...) passaram e que é um processo natural: a transformação e a geração de ramificações dentro das religiões, passando a representar grandes conjuntos religiosos e não mais uma única religião que abraça a um todo de maneira uniforme.

Podemos ver isso com o simples exemplo do Cristianismo, que foi sofrendo cismas diversos e, passou da visão de uma única religião, para um grande conjunto religioso que, nos dias atuais, abraçam mais de 150 ramificações reconhecidas, fora as que são consideradas seitas. Como exemplo podemos citar: Igreja Católica Apostólica Romana, Igreja Cristã Ortodoxa (Russa, Grega, Etíope), Igreja C…

Incenso e Sal Grosso Realmente Funcionam

Imagem
Na sabedoria popular, muito se fala sobre o poder dos incensos e do uso do sal grosso quando o assunto é energia dos ambientes. Mas será que esses simples elementos realmente são eficientes para harmonizar energeticamente tanto ambientes como pessoas? Ou será que estamos diante de pura crença sem fundamento científico ou funcional? A minha resposta: eles funcionam!

São realmente eficientes no que tange ao trabalho de equilibrar energias sutis.

Selecionei neste texto um apanhado de informações que coletei ao longo da minha vida, desde as experiências que tive como químico (minha formação acadêmica), como também terapeuta e professor de terapias holísticas. Além disso, no estudo o qual dediquei grande parte do meu tempo para construir a Fitoenergética*, também encontrei muitas vezes no meio do caminho da pesquisa, as intrigantes atuações dos incensos e sal grosso.

Mesmo defendendo a ideia de que o tema abaixo foi amplamente estudado para que essa definição fosse apresentada, ainda sim, …

Curso Básico sobre Mediunidade

Imagem
É inegável a contribuição da Doutrina Espírita para a compreensão de alguns conceitos espiritualistas. A mediunidade é faculdade inerente a todo ser humano, independente da religião.
Na Umbanda, observamos com maior frequência a mediunidade de incorporação, que é a comunicação do espírito através do "corpo" do médium, não que ele adentre o corpo como supõe o nome, o que é fisicamente impossível. Por isto que a Doutrina Espírita não utiliza este termo "incorporação" e sim "psicofonia", que é a comunicação através da fala, pois os espíritas são treinados, no desenvolvimento mediúnico, para receberem as comunicações apenas através do pensamento, para isto só a palavra é suficiente, para eles o médium "educado" é aquele que não movimenta o corpo para assumir as características do espírito.
A Umbanda é energia vibrante e em movimento. Nossos Guias utilizam seus médiuns ou "cavalos" de forma plena, ativam tantos chakras quantos forem necessári…