Ibejis - Tenda de Umbanda Luz e Caridade - Tulca

06/05/2012

Ibejis


Ibejis - Por Ednay Melo


No Brasil, os Ibejis são sincretizados com os Santos Católicos São Cosme e São Damião e na Umbanda é a linha que, juntamente com as linhas de Caboclos e Pretos Velhos, forma o triângulo de força que é a base da religião.

Apesar de se apresentarem com a roupagem fluídica de crianças, nem todos desencarnaram no corpo infantil. A Linha dos Ibejis representa a pureza e inocência das crianças, daí criança, nestes termos, é apenas um referencial arquetípico. Todo espírito que tem como missão trabalhar a alegria, a pureza, benevolência, amor, leveza d'alma, simplicidade, recorrendo ao princípio de todas as coisas, encontrará nesta falange os melhores recursos de atuação.

Os pontos de força dos Ibejis são os Reinos de todos os Orixás, são influenciados por estes dependendo do trabalho que irão desempenhar, porém, são regidos pela Orixá Oxum. Ibeji não é um Orixá, é uma entidade que compõe a Linha de Trabalho da Umbanda.

Usando as características infantis para trabalharem dentro dos princípios da Magia da Umbanda, mascaram o seu grande poder de atuação, desta forma, nunca subestime o trabalho de um Ibeji somente porque se apresenta, aparentemente, em ritmo de brincadeiras e perspicácias infantis. O fundamento das brincadeiras dos Ibejis é favorecer o relaxamento das defesas conscientes e inconscientes, que muitas vezes dificultam o auxílio dos Guias. Tais defesas é um mecanismo da personalidade inerente ao ser humano, proteger-se de traumas sofridos de formas conscientes ou inconscientes. Então os Ibejis proporcionam o relaxamento, a descontração e o equilíbrio energético necessário para o tratamento espiritual que a pessoa precisa.

Na relação mediúnica, trabalham na eliminação dos miasmas astrais e reposição energética. São grandes auxiliares das Falanges Astrais de Cura e das Falanges que atuam na desobsessão.

Do livro Umbanda Luz e Caridade - Ednay Melo



Nenhum comentário

Compartilhamento redes sociais